Grande Encontro de Psoríase e Vitiligo. Evento GRATUITO na Câmara Municipal de São Paulo, que acontecerá dia 26 de outubro, sábado - 8h30 às 17h

Saiba mais

Você sabia que o entendimento da Psoríase mudou muito nos últimos anos e hoje, é considerada uma doença sistêmica que atinge a pele, músculos, articulações e outros órgãos.

 

Quanto mais cedo e mais eficaz for o controle, menor chance de evoluir para as complicações como artrite, aumento do peso, alterações do colesterol, triglicérides e glicemia. Isso é importante para prevenir a hipertensão arterial, diabetes e doenças cardiovasculares.

 

Na pele a Psoríase é semelhante a várias alterações como dermatite seborréica, eczema, dermatite de contato, pitiríase rosa, desidrose, líquen plano, micose nas unhas. Em muitos casos só a biópsia da pele comprova o correto diagnóstico.

 

O médico dermatologista é o especialista mais adequado para o acompanhamento. Na Psoríase artropática, também chamada artrite psoriásica, as dores musculares ou articulares provocam tendinite, entesite, bursite e rigidez pela manhã ou em repouso e pode ser confundida com artrose, fibromialgia ou artrite reumatóide e o médico reumatologista poderá definir corretamente o diagnóstico em conjunto com o dermatologista.

 

A Psoríase é uma das doenças mais estudadas no mundo todo e as pesquisas científicas nos levam a uma abordagem mais abrangente que inclui mudanças de estilo de vida e novos tratamentos e medicamentos mais eficazes e seguros, como os imunobiológicos, seguindo os princípios da Medicina Baseada em Evidência.

 

Fonte – site do Centro Brasileiro de Estudo em Psoríase – CBEP

 


 

14 anos consecutivos de Encontro

 

Muitos foram os resultados alcançados, que beneficiam as pessoas que têm psoríase, entre eles: